Rio de Janeiro - Copyright © 2012 - 2017   -  www.doisabordo.com.br  -  Criado por GET Realizações 

DOIS A BORDO

contato.doisabordo@gmail.com

  • White Facebook Icon
  • White YouTube Icon
  • White Instagram Icon
  • White Snapchat Icon
  • White Twitter Icon
  • White RSS Icon
Please reload

PATAGÔNIA: AS CENTOULLAS

9 Aug 2018

A Patagônia é o melhor lugar pra degustar as famosas “centoullas”, um crustáceo encontrado em aguas frias e profundas. Os pescadores chegam a passar ate 30 dias no mar pra capturar essa delicia. 

 

O meu maior desafio nessa viagem, não foram os esportes de aventura. O mais radical mesmo foi experimentar o tal carangueijo. Eu não sou muito fã dos frutos do mar, mas posso dizer que esse gigante é mesmo gostoso! Por ser um animal de agua fria, a centoulla tem um sabor muito suave que lembra o caranguejo, ou a refinada lagosta.

 

Fomos para a cozinha e o Tony nos mostrou como preparar a centoulla. Primeiro foi preciso pescar o bicho no aquário do restaurante.Ela é bem pesada! Elas podem pesar até 4 quilos com patas de 1 metro de comprimento. A que eu pesquei tinha uns dois quilos, dois quilos e meio…

 

 

Não é muito bonito ver a preparação. Primeiro, ele limpou a barriga e um líquido verde escorreu pela pia. Tem gente que come tudo! Mas na verdade, só se come as patas. Depois de limpas, elas vão pra panela com água fervente com sal. E pronto:40 minutos, um limãozinho e molho são suficientes. Anote a dica: Uma centoulla serve bem de 2 a 3 pessoas, com molho e salada pra acompanhar.  

 

Atenção: Pra você não pagar mico, assista a aula básica de como comer o crustáceo. Material: tesoura sem ponta e muita força.

 

Boa sorte!

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Please reload

recentes

casal tipo

MAIS DESTINOS

Please reload

  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

siga